EAV Parque Lage

A Fotografia Brasileira e o Modernismo – Fotorreportagem

A Fotografia Brasileira e o Modernismo –  Fotorreportagem

O presidente da República visita o submarino Humaitá – 29 de agosto de 1957 – Correio da Manhã.
Acervo do Correio da Manhã – PH.FOT.23282.764 – Arquivo Nacional (AN)

Professora: Denise Cathilina

Cursos de Férias – 2021
14 de janeiro a 04 de fevereiro
Quintas, de 19h às 21h
R$330,00

butao_matriculabutao_matriculabolsa

*Leia atentamente todas as normas de matrícula antes de se inscrever. Clique aqui.

FOTOGRAFIA MODERNA, HISTÓRIA DA ARTE, FOTORREPORTAGEM, FOTOCLUBISMO, FOTOGRAFIA DOCUMENTAL, MODERNISMO BRASILEIRO, ARTE MODERNA

SOBRE
O objetivo do curso é traçar um panorama da fotografia moderna brasileira dos anos 40/60, contextualizando-o na arte moderna brasileira e mundial, estimulando o pensamento crítico sobre produção desse período. O workshop aborda as origens do modernismo fotográfico no Brasil com ênfase em artistas que atuaram em reportagens fotográficas e na fotografia documental.

CONTEÚDO
O curso abordará de forma teórica os seguintes tópicos:

• Pictorialismo no Brasil e movimento Fotoclubista mundial.

• Foto Cine Clube Bandeirante, Fotoptica. As mulheres fotógrafas pertencentes à escola paulista de fotografia.

• Revista Cruzeiro e Revista Manchete. Amilcar de Castro e reforma gráfica do Jornal do Brasil. Associação Brasileira e Arte Fotográfica (ABAF).

• Thomas Farkas: Do Foto Cine Clube Bandeirante à Caravana Farkas. Os fotógrafos Jean Manzon e José Medeiros.

DINÂMICA
Aula expositiva em videoconferência

PÚBLICO
Indicado para pessoas interessadas em conhecer e/ou pesquisar o tema.
Não exige conhecimentos prévios.

REFERÊNCIAS

COSTA, Helouise; SILVA, Renato Rodrigues da. Fotografia Moderna no Brasil. São Paulo: Cosac Naif ,2004

DERENTHAL, Ludger; TITAN JR, Samuel (org.). Modernidades Fotográficas – 1940-1964 – Thomas Farkas,

GAUTHEROT, Marcel; MEDEIROS, José e FLIEG, Hans Gunter. Rio de Janeiro. IMS. 2014.

LESSA, Washington Dias.” Amilcar de Castro e a reforma do Jornal do Brasil”. Em: AGUILERA, Yanet (org.). Preto no branco: a obra gráfica de Amilcar de Castro. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2005

FABRIS, Annateresa. “Modernidade e vanguarda: o caso brasileiro”. Em: Fabris, Annateresa (org.) Modernidade e Modernismo no Brasil. Porto Alegre. Editora Zouk, 2010.

RECURSOS NECESSÁRIOS
Acesso à internet
Computador ou celular com câmera

SECRETARIA
– Todos os cursos online emitem certificado.
– A matrícula online não oferece desconto.
– A política de descontos só é oferecida na matrícula com pagamento via boleto bancário.

Denise Cathilina. Artista Visual, fotógrafa, professora de artes, eventualmente curadora, e ex-atriz. Vive e trabalha no Rio de Janeiro. Tem como interesse de pesquisa a fotografia híbrida, imagem técnica, e os cruzamentos entre a alta e a baixa tecnologia. Com participação em diversas exposições em instituições no Brasil e no exterior (Paço Imperial, Museu de Arte Moderna, Casa França Brasil, Centro de Artes Hélio Oiticica, Oi Futuro Rio de Janeiro, Museu de Arte Contemporânea de Rosário (Argentina) e Galeria Gedok (Munique). Em 1996 inicia trajetória como professora da Escola de Artes Visuais do Parque Lage. Como curadora, já produziu cerca de 30 exposições de jovens artistas e realizou a curadoria das duas últimas exposições da artista e arte-educadora Regina Alvarez.