Conversas

Arthur ProtasioO design da estrutura narrativa: como games e transmídia criam histórias envolventes

Dia 03 de setembro de 2015, quinta-feira, das 10h às 13h

Sala do NAT

>> INSCRIÇÕES ABERTAS NA SECRETARIA DA ESCOLA

Saber contar uma história é um diferencial muito importante para promover envolvimento com o público. Universos ficcionais englobam uma variedade de mídias, como pode ser visto nos games. Eles permitem que o jogador vivencie e crie histórias, alternando entre o papel de leitor e autor. No contexto desse tema, o encontro pretende levar à compreensão dos participantes os dois tipos distintos de histórias que são contadas em toda mídia e a forma como elas afetam as mensagens que passamos adiante.

A palestra faz parte do curso Arte e tecnologia: uma visão transdisciplinar, uma parceria do Núcleo de Arte e Tecnologia (NAT) da EAV Parque Lage com o Instituto de Tecnologia e Sociedade do Rio de Janeiro (ITS). Em encontros alternados, palestrantes do ITS abordam diferentes temas, a partir dos quais são propostos exercícios orientados por Tina Velho. As matrículas estão abertas para o programa completo, como também para as palestras individualmente.

Arthur Protasio é roteirista e designer de narrativas. Fundador da produtora Fableware e especialista em criar histórias para diferentes mídias, desde livros, jogos e TV até parques de diversão. Apresenta a websérie de análise crítica de games, LudoBardo, e é autor dos títulos “Negra Cicatriz: O Parto da Dor” e “Jogador de Mil Fases”. Também trabalhou como consultor da novela televisiva “Geração Brasil” da Rede Globo; locutor da coluna diária “Mix Games” na Rádio Mix Rio FM; e roteirizou os jogos Ballistic, Spy of Us, Webmotors Racing, dentre outros. Mestre em Design pela PUC-Rio, presidente da IGDA Rio e professor nas áreas de narrativa e jogos em escolas como ESPM e Perestroika. confira seus trabalhos em www.arthurprotasio.com