Apresentação

equipe-bibliotecaAna Luiza Fonseca, Juliana Machado e Rubia Silva.A Escola de Artes Visuais do Parque Lage conta desde setembro de 2016 com a pesquisadora Ana Luiza Fonseca, convidada pela diretora Lisette Lagnado para integrar o programa Curador Residente da biblioteca e propor atividades públicas relacionadas ao programa de ensino da instituição.

Também fazem parte da equipe da biblioteca Rubia Luiza da Silva e Juliana Machado, formadas em Biblioteconomia e responsáveis pela catalogação e manutenção do acervo.

Após o período em que a escola foi alugada para ser sede do comitê olímpico da Grã-Bretanha, o antigo espaço da biblioteca se transformou em uma sala de aula e um banheiro de acessibilidade.
 
 
Hoje, a atual Biblioteca | Centro de Documentação e Pesquisa se encontra mais integrada às áreas de projetos e ganhou novas instalações, ocupando uma das salas que possuem acesso às varandas do Palacete. Na varanda, foram colocadas mesas e cadeiras, tornando o ambiente mais amplo para receber lançamentos ou pequenas reuniões, com uma vista excepcional para a área verde. Além disso, o banheiro original de Gabriela Besanzoni virou uma sala exclusiva para leitura, aberta ao público.

Ana Luiza Fonseca dedica-se à pesquisa de editoras de livros de artistas na América Latina. Graduada em Educação Artística com habilitação em Artes Plásticas, na Faculdade Armando Álvares Penteado – FAAP (2008), trabalhou oito anos à frente do projeto Tijuana, onde criou e organizou a Feira Tijuana de Arte Impressa, além de publicar cerca de 40 títulos pelo selo Edições Tijuana. Como curadora residente da Biblioteca | Centro de Documentação e Pesquisa da Escola de Artes Visuais do Parque Lage (2016), pretende organizar e ampliar a seção de livros de artistas do atual acervo. Em breve, deverá lançar a Feira de Impressos da EAV, projeto que integra os ateliês de gravura da escola ao espaço da biblioteca.

Histórico
A Biblioteca da Escola de Artes Visuais (EAV) não registra histórico de sua criação. Através de reportagens recuperadas pelo projeto Memória Lage, realizado em 2014, acredita-se que originou a partir do acervo particular de Augusto Frederico Schmidt (1906-1965), poeta modernista carioca que frequentava o Parque Lage para retirar inspiração para seus livros. Acredita-se que essa biblioteca tenha sido englobada posteriormente pelo Instituto Brasileiro de Arte (IBA), em 1950, de onde adquiriu parte do acervo e as características que atualmente possui. Com a fundação e gestão da EAV, estabeleceu-se como biblioteca especializada em Artes Visuais com ênfase em Arte Contemporânea. A coordenação mais recente, durante o ano de 2015, foi da curadora residente Beatriz Lemos, que iniciou entre outros projetos, as “Aulas Abertas” e o “Livro do Dia” (postagens em redes sociais de um destaque do acervo).

Missão
Atender às necessidades informacionais de alunos, professores e funcionários e visitantes da Escola de Artes Visuais do Parque Lage, fomentando atividades ligadas ao ensino e à pesquisa em Artes Visuais Contemporâneas.

Acervo
A Biblioteca da EAV é especializada em Artes Visuais com enfoque em Arte Contemporânea. O acervo conta com cerca de 20.000 títulos, entre obras de referência, livros, catálogos, folhetos, periódicos, monografias, mídias digitais e DVDs. A consulta é local e de livre acesso a alunos, funcionários e visitantes. Não é necessário agendamento.

Política para doações
A Biblioteca aceita doações de novos títulos de acordo com os interesses da missão pedagógica da Escola de Artes Visuais do Parque Lage. A lista bibliográfica deve ser previamente enviada para o e-mail eav.biblioteca@gmail.com, e será analisada pela Coordenação de Pesquisa.

Leia mais sobre os critérios de doação.

Horários de funcionamento
Segunda a quinta – 10h às 20h
Sexta – 10h às 13h

Contato
Telefone: (21) 2334-4088
E-mail: eav.biblioteca@gmail.com