Oficina de Drag-king [arte em família – especial Queer]

Oficina de Drag-king [arte em família – especial Queer]

imagem: Gataria

Oficina de drag-king [Arte em Família – especial Queer]
Sábado, 8 de setembro, 14:00–16:00*
Professoras: Luana Klen, Gataria fotografia e Priscila Fiszman
Idade: crianças de todas as idades
* Excepcionalmente a atividade arte em família ocorrerá a tarde

Os cursos do arte em família são gratuitos.

INSCRIÇÕES ANTECIPADAS:
parquinho.eavparquelage@gmail.com
Inscrições por e-mail até sexta-feira, às 16h.
As vagas das inscrições antecipadas serão liberadas a partir de 15 minutos antes do início do curso
(caso o inscrito não esteja presente).
Sujeito a lotação.

INSCRIÇÕES NO DIA DA ATIVIDADE:
Secretaria da EAV Parque Lage

mais informações ❯

Sobre a oficina
Nesta atividade queremos desmontar tabus, padrões e estruturas através da brincadeira. O que faz um drag-king? Talvez brincar com o poder de ser “homem” dentro da sociedade. Não é sobre masculinidade, mas pensar o que esse personagem faz na cidade. O poder social não existe além da encenação – possivel razão que torna o drag-king uma forma tão divertida de viver o cotidiano. Vamos suspeitar, reciclar e desconstruir modelos de gênero, investigando espaços de visibilidade e formas de ser. O espaço coletivo criado através da oficina pretende abrir caminhos para outros universos possíveis.

A oficina se dará em 3 etapas/estações:

1 – corte de cabelo com Luana Klen
2 – colagem das mechas no rosto com Priscila Fiszman
3 – retrato com Gataria (Rê Ferrer e Tata Barreto)

Para crianças de todas as idades!

Professora
Priscila Fiszman
Pesquisa pontos entre jogos, cidade e crianças. Estudou arquitetura na UFRJ e é formada em desenho pela Camberwell College of Arts, Londres. É arte-educadora no Rio de Janeiro.

Luana Kleni
É cabelereira e visagista. Trabalha com a descontrução e (re)construção dos padrões de beleza, dos conceitos de belo e feio, dando sentido/valorizando as individualidades de cada um, dialogando com o estilo de vida, ideais e a mensagem que uma imagem tem o poder de passar.

Renat Ferrer
Fotógrafa e artista visual é Pós Graduada em Fotografia e Imagem (UCAM, 2017) e graduada em Psicologia; em 2015 fundou a Gataria Photography com a fotógrafa Tata Barreto; em 2016, é contemplada no Programa de Fomento às Artes da Prefeitura do Rio, com o curta documentário “Minha Família Fora do Armário”. Em 2017 assina a exposição “Minha Família Fora do Armário” que ficou em cartaz por 3 meses no CCJF-RJ.

Tata Barreto
É fotógrafa e fotojornalista com Pós Graduação em Fotografia e Imagem pela Universidade Cândido Mendes (2013); fundou a Gataria, primeira agência de fotografia no Brasil com foco em diversidade, com a fotógrafa Renata Ferrer (2015); em 2016, é contemplada no Programa de Fomento às Artes da Prefeitura do Rio, com o curta documentário “Minha Família Fora do Armário”. Em 2017 assina a exposição “Minha Família Fora do Armário” no CCJF-RJ.

Confira a programação completa