E-DU-CA-TI-VO – Proposta artística de Agrippina R. Manhattan

E-DU-CA-TI-VO – Proposta artística de Agrippina R. Manhattan

E-DU-CA-TI-VO – Proposta artística de Agrippina R. Manhattan
Série de encontros propositivos abordando diversas temáticas
Trabalho realizado para Exposição Formação e Deformação
saiba mais sobre a exposição

De quinta a domingo, 15:00
10, 11, 12 e 13 de janeiro
17, 18 e 19 de janeiro
Cavalariças
GRATUITO . Aberto ao público

E-DU-CA-TI-VO
Proposição para encontros na Exposição Formação e Deformação, pensando o encontro enquanto prática pedagógica e artística onde pessoas são convidadas pela artista Agrippina R. Manhattan para compartilharem seus desejos, saberes e inquietações. Um educativo performance que não tem propósito outro a não ser efêmero e seguir existindo pelas marcas e afetos que provoca.

PROGRAMAÇÃO DA PRIMEIRA SEMANA

Quinta . 10 janeiro . 15:00
Conversa com Andréa Brasil
Classificação livre

Fala sobre a urgência de inclusões de pessoas trans em espaços de trabalhos e negócios (quer seja como profissionais, quer seja como empreendedores) como forma de combate aos estigmas e discriminações que nos cerca. Principalmente diante de tantos retrocessos baseados em fundamentalismos.

Sexta, 11 janeiro . 15:00
Oficina com Agrippina R. Manhattan

Os participantes são convidados a participar de uma oficina de programação dos painéis de LED a partir dos softwares disponíveis para cada modelo e então são convidados a elaborar uma composição própria com os painéis. A artista dará também um manual “faça você mesmo” para que cada um saia apto a reproduzir a obra em mostra na Exposição de Formação e Deformação.

Sábado . 12 janeiro . 15:00
Oficina com Laís Amaral
Classificação livre

Como amolecer situações quando sobreviver te impõe estratégias de enrijecimento?
Umidificar pedaços de argila seca. Beber água, hidratar-se, distribuir água pela alma-corpo, distribuir água em nosso sentimentos, distribuir água em nossa força.
O padrão de organização social imposto pelo sistema colonial-patriarcal-capitalista, invadiu nossa subjetividade, nos fragmentando, de uma forma onde não nos identificamos natureza. Corpas destacadas, almas secas, relações condicionadas ao enrijecimento. Como estimulados e permitimos nossa força sensível, quando “ser forte” evoca engolir a seco nossos sentimento e sensibilidades? Proponho uma roda de conversa onde juntas transformaremos o barro seco em uma massa úmida, maleável, capaz de se juntar a outros pedaços.

Domingo . 13 Janeiro . 15:00
Conversa-escuta com Yhuri Cruz
Classificação livre

A partir da elaboração do manifesto-cena “Nenhuma direção a não ser ao centro” e do contrato ético “Monumento-documento à presença”, o artista buscará propor às estruturas um repensar de seus pilares de poder. Cenas para outras linguagens*. Diferenças sem separabilidade**. Ativação de lugares de fala e de escuta. Inserções em circuitos pedagógicos.
O encontro é focado na apresentação e bate-papo sobre o processo de elaboração do manifesto e do contrato ético, trazendo à tona as motivações para suas existências (fantasmas e sustos de cenas presentes).
Como mudar o ethos de uma instituição? Como não só revelar violências, racismos e exclusões, mas propor uma partilha do peso histórico? Como buscar aliados para lutas alheias? Como criar um monumento a pessoas vivas?

PROGRAMAÇÃO DA SEGUNDA SEMANA

Quinta . 17 janeiro . 15:00
Visita guiada da exposição
Classificação livre

Sexta, 18 janeiro . 15:00
Workshop com Camilla Braga

Como ser uma artista de sucesso, onde a artista Camilla Braga generosamente ensina métodos para se alcançar o sucesso no circuito de arte contemporânea, com dicas de comportamento e práticas para além da produção artística. Publicidade, contatos e estilo: um tutorial completo para você, jovem artista que quer ingressar no mercado de arte! Uma oportunidade de crescer profissionalmente, somente a partir deste manual do sucesso você alcançará mais rapidamente o tão sonhado status de Artista Contemporâneo. Aprenda métodos de inserção no circuito e ganhe visibilidade para seu trabalho. Em edição única, somente na sexta-feira, 18/01, às 15h nas cavalariças.

Sábado, 19 janeiro . 15:00
Conversa com Mariana Paraizo
Classificação livre

Quadrinhos, poesia e arte contemporânea. Reflexões acerca da palavra escrita e de meios alternativos para publicação e pensamentos gráficos