Livrinho de artista

Livrinho de artista

foto: Luana Vieira

Livrinho de artista: experimentação das diferentes maneiras de construir e abordar livros em forma de sanfona
Professores: Julia Luz Saldanha e Luana Vieira Gonçalves
9 e 10 de janeiro
15:30-17:30
Idade: 6 a 12 anos

Sobre o curso

“Para que serve um livro?
Para se viver melhor!”

Prélibri, Bruno Munari, Danese, Itália, 1980.

O curso Livrinho de artista convida as crianças à criação artística através do universo dos livros de artista. Os livros, são objetos repletos de plasticidade, que vão além de um veículo de imagens e textos, nos surpreendendo por suas diferentes maneiras de abordá-lo. Nessas férias vamos criar livros pensando sobre movimento. Durante dois encontros com as crianças e um encontro em família, vamos pensar juntos as diferentes formas de explorar os livros, vivenciando experiências gestuais, táteis, sonoras e visuais ligadas a sua forma. Uma vez que os livros são sempre feitos por adultos, esta será a vez das crianças de criarem os seus. Vamos experimentar materiais e trocar experiências criando livros?

9 de janeiro – livro sanfona: experimentação das diferentes formas de construir e abordar
livros sanfonas.
10 de janeiro – livro corpo: livro gigante produzidos através de impressões gráficas e gestos
corporais.
11 de janeiro (Arte em Família) – livro dobradura: livros com diferentes tipos de dobras que
provocam movimentos e criar tridimensionalidades.

Professoras

Julia Saldanha, São Paulo, 1986, vive no Rio de Janeiro.
Artista, graduada em arquitetura e urbanismo pela Escola da Cidade (São Paulo, 2011), completou seus estudos na EAV do Parque Lage, no Ateliê Piratininga (São Paulo) e no Espaço Cenográfico (São Paulo). Atua nas áreas de cenografia, direção de arte, ilustração e arte educação. Foi monitora no curso Experiências Gráficas na EAV Parque Lage e integra o coletivo Desenhação. É professora no Parquinho Lage desde 2017.

Luana Vieira Gonçalves, São Paulo, 1984, vive no Rio de Janeiro.
Artista educadora, formada em Artes visuais pela UNICAMP (Campinas, 2009) e pelo master em Arte Contemporânea na Université Paris VIII (Paris, 2014). Coordenou projeto de intercâmbio cultural entre crianças togolesas e brasileiras (Lomé, 2015). Foi educadora na Galerie des enfants/Centre Pompidou (Paris, 2010-2014), na Casa Guadalupana (Campinas, 2009) e no projeto Curumim (SESC-SP, 2016). Atua como professora no Instituto Pró-Saber e integra o coletivo Desenhação. É supervisora e professora do Parquinho Lage.