EAV Parque Lage

Modos de agir e pensar criticamente a arte contemporânea

Objetivos: Discutir propostas estéticas contemporâneas em suportes diversos e menos convencionais, que lidam com questões sócio-políticas, urbanas, éticas e históricas.

Conteúdo: O curso aborda a produção de artistas inseridos no circuito da arte global que usam esse espaço para fazerem circular discursos críticos e práticas experimentais distintas. Examinaremos a obra de nomes atuantes no cenário contemporâneo e também as práticas seminais de artistas surgidos na segunda metade do século XX. Alguns artista abordados são: Tania Bruguera, Teresa Margolles, Dorys Salcedo, Santiago Sierra, Rafael França, Gordon Matta-Clark, Allora & Calzadilla, Alfredo Jaar, Bernardette Corporation, ORLAN, Ricardo Basbaum, Renata Lucas, Hector Zamora e outros.

Metodologia: Análise crítica e discussão da produção de artistas a partir de material visual como sites, vídeos e fotografias. Referências de teóricos diversos pontuam as aulas e servem como apoio para as reflexões em grupo. Ao final do curso os alunos são convidados a esboçarem um projeto artístico autoral ou texto crítico sobre artista ou obra de seu interesse, relacionado ao tema do curso.

Bibliografia básica:
DOHERTY, Claire (Ed.). Situation. London. Whitechapel – MIT Press. 2011.
. In: Concinnitas ano 9 Vol. 2, n. 13, Dez. de 2008. Tradução: Gisele Ribeiro.
JACQUES, Paola Berenstein. Apologia da deriva. Rio de Janeiro: Casa da Palavra, 2003
RANCIÉRE, Jacques. O espectador emancipado. São Paulo: Martins Fontes, 2012
_________________. A Partilha do Sensível. São Paulo: Ed. 34, 2009 (2a edição)