EAV Parque Lage

PARQUINHO LAGE FICA EM CASA – MUNDO AO REVÉS

PARQUINHO LAGE FICA EM CASA – MUNDO AO REVÉS

Mundo ao revés [diário de bordo]
Para crianças e suas famílias
Materiais sugeridos: celular, papel, tinta, lápis e/ou caneta


PARQUINHO LAGE FICA EM CASA

O parquinho lage convida as crianças a realizarem um diário de bordo sobre suas vivências dentro do universo que estarão imersos durante os próximos dias. Além de criar um arquivo de memória com suas experiências, a ideia é que as crianças também possam expandir e vivenciar seus espaços cotidianos de formas diferentes, redescobri-los e reinventá-los.

Vamos propor atividades que provoquem encontros virtuais, pelos quais será possível conhecer o que se passa nos lugares onde está cada criança, e formar uma rede de comunicação e aprendizado.

Convidamos crianças e famílias a compartilharem suas experiências através da hashtag #parquinholageficaemcasa – canal onde criaremos nossa rede de experiências e comunicação.

Neste momento consideramos que nada é mais importante que a saúde e a segurança de nossa comunidade. A reclusão é um ato de responsabilidade de todas e todos. Alinhados ao nosso papel educativo, na formação de artistas e públicos da cultura, durante toda a semana compartilharemos conteúdos digitais especialmente selecionados para que essa quarentena seja mais leve e acolhedora, com informações sobre artes visuais e cultura.


ATIVIDADE 1: MUNDO AO REVÉS
Para crianças e suas famílias
Materiais sugeridos: celular, papel, tinta, lápis e/ou caneta

Você já viu o mundo de cabeça para baixo como ele está agora? Algumas situações transformam nossa forma de viver e de olhar para o mundo. Um movimento pode ser suficiente para despertar um novo olhar sobre o nosso cotidiano.

Experimente:

– Em pé, abrir as pernas em forma de triângulo, e colocar a sua cabeça de cabeça para baixo entre elas.
Como é ver a sua casa de cabeça para baixo?

– Observar se o seu corpo está confortável nesta nova posição.

– Caminhar pela casa nesta posição observando atentamente ao seu redor, descobrindo os espaços como se não os conhecesse.

Se você começasse a viver de cabeça para baixo, o que seria necessário mudar em você e na sua casa para que fosse possível continuar a fazer atividades como descansar, brincar, comer, tomar banho..?

Faça um desenho de você e da sua casa vivendo de cabeça para baixo e compartilhe com a gente a sua experiência através de fotos e vídeos utilizando a hashtag #parquinholageficaemcasa