Artes Viventes

A ARTE DA PERFORMANCE

A ARTE DA PERFORMANCE

Sobre o curso

Este curso tem como objetivo proporcionar uma visão abrangente dos trabalhos que exploram as ações do corpo, tanto por parte dos artistas (como Bas Jan Ader e Marina Abramovic) quanto aqueles dirigidos por eles (como Berna Reale e Santiago Sierra). Essas obras oferecem experiências poderosas, seja através de performances ao vivo em espaços institucionais de arte ou no espaço público, seja em ações concebidas para se tornarem experiências registradas em fotografias e vídeos. Os artistas apresentados compartilham a temática central do corpo, abordando-a de maneira política e sempre transformadora para o espectador.

Através da apresentação de imagens de artistas influentes dos anos 60 até trabalhos contemporâneos, exploraremos um arcabouço teórico que aprofundará as questões levantadas por esses artistas. O curso enfatiza a importância do trabalho desses artistas, que servirá como ponto de partida para discussões em sala de aula, podendo se desdobrar em leituras de textos específicos. O objetivo é que o escopo dos artistas apresentados inspire reflexões atuais sobre a sociedade em que vivemos. O curso teórico, ocasionalmente acompanhado de práticas, concentra-se na arte da performance desde os anos 60 até os dias de hoje, com ênfase nas experimentações iniciais no contexto internacional e na tradição da performance no Brasil a partir dos anos 80, com destaque para a produção mais recente.

O cerne deste curso é aprofundar o entendimento da performance em todas as suas facetas, seja ao vivo no espaço público ou privado, seja através da sua representação em imagens estáticas e em movimento. Os participantes são incentivados a compartilhar seus processos em andamento ou desenvolvidos a partir dos encontros no curso.

O que você vai aprender:

A ênfase do curso está na potência que o trabalho dos artistas levantam, ao tratar de questões estéticas mas também éticas, assim como a experiência fenomenal que resultam. Alguns artistas apresentados serão Chris Burden, Marina Abramovic, Bruce Nauman, Joseph Beuys, Francesca Woodman, Musa Michelli Mathiusi, Pope. L, Marcia X., Regina Jose Galindo, Aimberê Cesar, Ayrson Heráclito, Amilcar Packer, Juliana Notari, Berna Reale, Jota Mombaça, Tadáskia, Aleta Valente, Rodrigo Braga, Marina Abramovic, 3Nós3, Santiago Sierra, entre outros. Trataremos da linguagem da performance enquanto fenômeno histórico mas também em dialogo com os recentes debates decoloniais, como a partir de pautas ético-estéticas; Nona Faustine e questão afrodiaspórica e feminista; Miro Spinelli e a questão LGBTQIAP; Daiara Tukano e a ancestralidade indígena; Helô Sanvoy e a questão de contramonumentos. Pensaremos ainda na importante questão de classes, poder e Capital que transpassam o sistema da arte.

program_tbl image 139

Artes Viventes

A ARTE DA PERFORMANCE

R$480,00 por mês

Este curso é indicado para:

Indicado para pessoas interessadas em conhecer e/ou pesquisar o tema., Indicado para pessoas interessadas em desenvolver processos artísticos., Indicado para pessoas com processos artísticos em desenvolvimento., Não exige conhecimentos prévios.

Dinâmica:

Aulas presenciais com amplo compartilhamento de referências visuais que estimulem ricas trocas sobre a arte feita nos últimos anos, com foco na questão do corpo em sua dimensão política. Os participantes são estimulados a compartilharem processos desenvolvidos anteriormente ou no decorrer do curso para uma análise coletiva.

  • Ministrado por:

    Chico Fernandes

    Chico Fernandes é artista visual, pesquisador e professor de Artes. Doutor em Artes pelo PPGArtes-UERJ (2021). É mestre em Linguagens Visuais pelo PPGAV-UFRJ (2016) e licenciado em Educação Artística pelo UniBennett (2013). Estudou na EAV entre, 2002 e 2012. Participou de diversas exposições coletivas e individuais em Museus e Centros Culturais: Museu de Arte do Rio (MAR), Itaú Cultural, Funarte, Paço Imperial, Museu de Belas Artes, Universidade de Coimbra, Tempe Center for the Arts (EUA), The Americas Society (Nova York), Oi Futuro Flamengo e Belo Horizonte. Participou de residências artísticas no país e no exterior. Foi indicado ao prêmio PIPA em 2012 e 2013.

Referências

TRANSFERIR CONHECIMENTO. NOSSA MISSÃO.

CURSOS RELACIONADOS

Filtros

Encontre o curso desejado usando o filtro abaixo, ou continue navegando para visualizar todos.

[frontend][label_floater_lpd_accept]Gerenciar cookiesRejeitarAceitar