Orientação Multisuporte

GRUPO DE IMAGINAÇÃO - EQUINÓCIO

Sobre o curso

Em tempos de Antropoceno, começam a surgir estudos sobre o impacto que a mudança climática exerce no emocional humano. Termos como “Solastalgia” e “Refugiados climáticos” têm cada vez mais ganhado espaço na mídia e mostram como um futuro cercado de incertezas nos assombra, como pessoas e como artistas.
O subtítulo “Equinócio” chama a nossa atenção para a estação do ano quando acontecerão as aulas. Ao invés do calendário gregoriano, trata-se de uma maneira de nos localizarmos num contexto mais natural, que transcende a contagem humana de anos, meses e dias.
Este Grupo de Imaginação propõe aos participantes a conversa franca e o entendimento direto e sensível como formas de resiliência. A ideia é sintonizar, juntos, nossas antenas no fantasma da impermanência do mundo que hoje conhecemos e em nossa maneira de viver o aqui e agora. Entretanto, o curso quer fugir da tomada de consciência determinista e sem perspectivas, de maneira que buscaremos a todo custo, por mais difícil que possa parecer, olhar para o mundo atual como uma oportunidade de criação de novas formas de viver e produzir.
Teremos como ponto de partida textos (oportunamente informados) para pensar sobre as questões acima apresentadas. Leituras sobre o tema serão incentivadas e, a partir das mesmas, cada participante apresentará sua perspectiva e estratégia para o futuro. Por se tratar de um curso de arte, as discussões devem necessariamente incluir propostas voltadas para o fazer artístico. 
O curso é indicado a artistas que já transitem ou tenham interesse pelos assuntos aqui tratados (por exemplo: Land Art, Natural Art, Ficção científica, entre outros).
Outras formas e práticas de arte são bem-vindas e incentivadas, tais como escrita, música, audiovisual etc.

O que você vai aprender:

Ao viver em tempos de mudança climática, termos como Antropoceno, Solastalgia e Ecopsicologia passam a fazer parte do nosso cotidiano.
Um número considerável de pessoas já está atenta ao assunto e busca incorporar esta nova realidade ao seu cotidiano, não só observando com maior cuidado o que consomem, mas também plantando alternativas para o futuro. 
Através da leitura de textos indicados e conversas em grupo, o curso busca explorar as ideias aqui propostas para se pensar nas possibilidade de ser e viver como artistas aqui e agora.

program_tbl image 205

Orientação Multisuporte

GRUPO DE IMAGINAÇÃO - EQUINÓCIO

R$480,00 (VALOR ÚNICO)

Este curso é indicado para:

Indicado para pessoas interessadas em conhecer e/ou pesquisar o tema. O curso é indicado a artistas que tenham profundo comprometimento com o próprio trabalho e que se interessem ou já incorporem em sua produção o assunto proposto. 
Outras formas e práticas de arte são bem-vindas e incentivadas, como escrita, música, audiovisual etc.
Uma parte da bibliografia ainda não foi publicada em português mas, apesar do conhecimento do idioma ser indicado, faremos o possível para tornar viável a compreensão dos textos através das discussões em aula. 

Dinâmica:

Leituras em grupo de textos indicados e discussões sobre eles e assuntos relevantes ao tema. Apresentações de projetos artísticos que se relacionem com a temática do curso. 
Obs.: por se tratar de um grupo experimental e que tem como objetivo mergulhar na imaginação, como próprio nome já diz, a metodologia estará sujeita a mudanças de acordo com as ideias que surgirem ao longo do curso.

  • Ministrado por:

    Mariana Manhães

    Niterói, 1977. Vive no Rio de Janeiro. Mariana vive no Rio de Janeiro. Graduou-se em Psicologia pela UFF (2001) e concluiu mestrado em Comunicação e Cultura pela UFRJ (2012). Sua formação artística aconteceu entre 1997 e 2005 na Escola de Artes Visuais do Parque Lage.

    Participou de exposições em diversos museus e galerias no Brasil e exterior, dentre os quais se destacam: MuBE (São Paulo), Bienal de Vancouver (Vancouver, Canadá), Shanghart Gallery (Xangai, China), The Mattress Factory (Pittsburgh, EUA), Bozar Museum (Bruxelas, Bélgica), Centro Cultural Banco do Brasil (Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília), Martin-Gropius-Bau Museum (Berlim, Alemanha), Instituto Itaú Cultural (São Paulo), Instituto Tomie Ohtake (São Paulo), Museu de Arte Moderna (Rio de Janeiro), Museu de Arte Moderna (Salvador), Museu Vale do Rio Doce (Vila Velha), Galerie GP+N Vallois e Natalie Seroussi (Paris, França), entre outros.

    Apresentou individuais na Galeria Múltiplo (Rio de Janeiro, 2017), Paço Imperial (Rio de Janeiro, 2013), Centro Cultural Banco do Brasil (Rio de Janeiro, 2010) e Museu de Arte Contemporânea (Niterói/RJ, 2007). Dentre os prêmios que recebeu, destacam-se: Prêmio Marcantônio Vilaça - FUNARTE (2015); Vancouver Biennale Residency Program (2014); Bolsa Funarte de Estímulo às Artes Visuais 2013 - FUNARTE (2013), Salão de Goiás (2006), Salão da Bahia (2005). Em 2017 foi finalista do Prêmio CNI SESI Marcantônio Vilaça (2017).

Referências

ANDREWS, Kerri. Wanderers: A History of Women Walking. Reaktion Books, 2020.
BERGER, John. Why Look at Animals? Londres: Penguin Books, 2009.
BOGARD, Paul. Solastalgia - an anthology of emotion in a disappearing world. University of Virginia Press, 2023.
CASTRO, Marcílio França. Breve Cartografia de Lugares Sem Nenhum Interesse. Rio de Janeiro: Editora 7 Letras, 2011.
CATLING, Brian. The Vorrh. Londres: Honest Publishing, 2012.
CORN, Wanda M. Georgia O'Keeffe: Living Modern. Prestel, 2017.
DAVENPORT, Leslie. Emotional Resiliency in the Era of Climate Change: A Clinician's
Guide. Jessica Kingsley Publishers, 2017
DICKERSON, Matthew; Evans, Jonathan. Ents, Elves, and Eriador: The Environmental Vision of J.R.R. Tolkien. University Press of Kentucky, 2006.
ENDE, Michael. A História sem Fim. São Paulo: Martins Fontes, 2016.
HARAWAY, Donna J. Ficar com o problema: fazer parentes no chthluceno. N-1 Edições: 2023.
HARRISON, Robert Pogue; Forests: The Shadow of Civilization. Chicago: University of Chicago Press, 1993.
HERBERT, Martin. Tell Them I Said No. Sternberg Press, 2016. 
JARMAN, Derek. Pharmacopoeia: A Dungeness Notebook. Vintage Classics, 2022
JENNINGS, Patricia. Georgia O’Keffee’s Hawai’i. New York: Bess Press, 2011.
KRENAK, Ailton. A Vida Não É Útil. Companhia das Letras, 2020
LIPPARD, Lucy R.; Overlay: Contemporary Art and the Art of Prehistory. Nova Iorque: New Press Editions, 1995.
RILKE, Rainer Maria. Sobre a Natureza. 
ROSZAK, Theodore. Ecopsychology - restoring the Earth, healing the mind. Counterpoint press: 1995.
RUBIN, Rick. The Creative Act: A Way of Being. Penguin Press, 2023
SAX, Boria; Imaginary Animals: The Monstrous, the Wondrous and the Human. Londres: Reaktion Books, 2013.
SCHAMA, Simon. Landscape and Memory. Nova Iorque: First Vintage Books Editions, 1996.
SJÓN. A Raposa Sombria; São Paulo: Hedra, 2013.
STUART-SMITH, Sue. The Well-Gardened Mind: The Restorative Power of Nature. Scribner, 2020.
THOREAU, Henry David. Walden. Porto Alegre: L&PM, 2016.
TSING, Anna Lowenhaupt (Editor). Arts of Living on a Damaged Planet: Ghosts and Monsters of the Anthropocene. University of Minnesota Press, 2017.
WOHLLEBEN, Peter. A Vida Secreta das Árvores. Rio de Janeiro: Editora Sextante, 2017.

TRANSFERIR CONHECIMENTO. NOSSA MISSÃO.

CURSOS RELACIONADOS

Filtros

Encontre o curso desejado usando o filtro abaixo, ou continue navegando para visualizar todos.

[frontend][label_floater_lpd_accept]Gerenciar cookiesRejeitarAceitar